Gestão Estratégia em Cooperativas Agroindustriais

Postado por em 10:25 hrs. em Congressos | 0 Comentários


Artigo Apresentado em Congresso – 2003
Autores: Cláudio Antonio Pinheiro Machado Filho, Matheus Kfouri Marino, Marco Antonio Conejero
Resumo: Diferentemente das sociedades de capital, em que o voto é proporcional ao capital de cada investidor, a cooperativa é uma sociedade de pessoas, em que cada cooperado tem direito a um único voto. Desta diferenciação fundamental decorre diversas implicações para o processo de gestão em cooperativas, em especial na relação entre cooperado – cooperativa. Trata-se de um modelo com grandes desafios na sua gestão, pelos aspectos doutrinários – cada cooperado, um voto. Em geral, acaba por tentar suprir demandas muito heterogêneas, induzindo um aumento natural do peso político no processo decisório. Tomando-se como base a metodologia desenvolvida pelo PENSA para implementação de processos de administração estratégica em cooperativas agroindustriais, objetivamos apresentar alguns dos instrumentos utilizados ao mesmo tempo em que tecemos algumas considerações sobre o sistema em si, com base no referencial teórico da Teoria da Agência. Como resultado, apresentamos os principais pontos críticos para a implementação dos projetos estratégicos, destacando a necessidade do aprimoramento de uma metodologia específica às cooperativas, dadas as suas particularidades.

Deixe um Comentário